Como ensinar tolerância para crianças

Como ensinar tolerância para crianças

94
0
COMPARTILHAR

Respeitar a opinião do próximo é essencial para conviver em harmonia

A tolerância é um conceito que pode ser difícil de explicar a uma criança, mas é tão importante de ser desenvolvido quanto outras habilidades como o respeito e a empatia, por exemplo. Tolerar significa reconhecer o espaço do outro, aceitando o convívio em grupo e compreendendo opiniões contrárias às suas.

Na prática, as crianças podem entender sobre o conceito por meio da explicação e do exemplo dos pais. “É importante conversar com os filhos sobre esse assunto, explicando que a tolerância é baseada na compreensão do outro e, mesmo que discorde de sua opinião, podemos continuar gostando da pessoa”, afirma a orientadora pedagógica do Colégio Marista Frei Rogério, Josiane Olivo Arruda.

A conscientização sobre a importância de se conviver em harmonia, respeitando opiniões e características diferentes, deve fazer parte da educação. Com esse aprendizado, a tendência é que as crianças pratiquem a tolerância com o próximo de maneira natural.

Neste sentido, quem participa do dia a dia da criança acaba sendo referência de comportamentos. Por isso, o primeiro passo para trabalhar o respeito ao próximo é por meio do exemplo. Josiane ressalta que a tolerância é uma competência que os pais exercitam e passam para os filhos por meio de atitudes e exemplos práticos. Os filhos tendem a reproduzir a forma como a mãe e o pai agem diante de alguma circunstância.

Por isso, é fundamental evitar excluir do convívio das crianças as pessoas com opiniões diferentes. Ao contrário, é interessante que os pais incentivem os filhos a nutrirem curiosidade pelo outro, pelo que lhe é diferente. Confira algumas dicas de como as crianças podem lidar com as diferenças:

1 – Dê o exemplo. Mostre que você sabe lidar com opiniões diferentes das suas, com maturidade e respeito.

2 – Ensine empatia. É fundamental ajudar as crianças a se colocarem no lugar do outro e a entenderem que há pensamentos distintos.

3 – Lembre-se de situações de tolerância. Conte aos seus filhos sobre algum momento em que lidou com o diferente de forma tranquila e natural.

4 – Faça reflexão. Proporcione a chance de as crianças refletirem sobre a razão de tratar todos com respeito, independentemente de suas concepções.

 

Sobre a Rede Marista de Colégios

A Rede Marista de Colégios (RMC) está presente no Distrito Federal, Goiás, Paraná, Santa Catarina e São Paulo com 18 unidades. Nelas, os mais de 25 mil alunos recebem formação integral, composta pela tradição dos valores Maristas e pela excelência acadêmica alinhada ao mercado. Por meio de propostas pedagógicas diferenciadas, crianças e jovens desenvolvem conhecimento, pensamento crítico, autonomia e se tornam mais preparados para viver em uma sociedade em constante transformação. Saiba mais em www.colegiosmaristas.com.br

Fonte: Luiza Lafuente

DEIXE UMA RESPOSTA